,

Sonho de um carnaval

Eu tô só vendo, sabendo,
Sentindo, escutando e não posso falar…
Tô me guardando pra quando o carnaval chegar

E ele chegou! (E já passou faz tempo, né? :P) Mas eu sabia que depois de não só ver, saber, sentir e escutar, mas cantar e pular um bocadinho, ia chegar com a barriga colada nas costas hahaha Pensei em uma comida que desse pra preparar com antecedência e mesmo fria ficasse uma delícia. E uma imagem, que já vinha visitando a minha cabeça a alguns carnavais (hahaha, brincadeira, só alguns dias ^^), dançou lá de novo: Quiche!! Quichequeza, Quidelícia, Quilindeza! E não qualquer uma, né? Aquela que tinha cara de ser a coisa mais gostosa e leve do mundo! 😉

Quiche de queijo minas

DSC_0029

PARA A MASSA

Ingredientes

2 xícaras (chá) de farinha de trigo
150 g de manteiga gelada
5 colheres (sopa) de agua gelada
1 colher (chá) de sal

Modo de Preparo

1. Você vai precisar de uma fôrma de quiche ou de fundo removível de cerca de 20 cm de diâmetro e de preferência antiaderente. (Quanto mais alta, melhor!) Numa tigela, coloque água com gelo. Reserve.

2. Corte a manteiga em cubinhos de cerca de 1 cm e coloque numa tigela com a farinha e o sal. Misture com as mãos, rapidamente, sem desmanchar a manteiga.

3. Transfira as 5 colheres (sopa) de água para a tigela e misture apenas até conseguir formar uma bola. (Evite trabalhar demais a massa, pois ela acaba ficando menos crocante. O segredo é deixar pontinhos de manteiga aparentes, sem serem incorporados à farinha).

4. Embrulhe a bola de massa em filme e/ou coloque num saco plástico e leve à geladeira de 2 a 24 horas, o que for mais conveniente para você.

5. Retire a massa da geladeira e do filme e/ou do plástico. Se estiver muito dura, amoleça com o calor das mãos, trabalhando o mínimo possível. Lembre que o truque aqui é manter a massa sempre gelada. Numa superfície lisa e enfarinhada, abra a massa com um rolo. Ela deve ficar maior que a fôrma para cobrir o fundo e as laterais.

6. Enrole a massa no rolo e desenrole sobre a fôrma (eu não consegui fazer isso, fui pegando os pedaços maiores e colando na fôrma e depois fui ajeitando com os menores). Com as mãos, modele a massa na fôrma, retirando as sobras. Para que a massa não fique rachada, é importante apertar os cantos para formar uma base sólida. Retire o excesso de massa passando o rolo sobre a fôrma ou com uma faquinha.

7. Leve a fôrma com a massa à geladeira por mais 10 minutos. Enquanto isso, preaqueça o forno a 200 °C (temperatura média-alta).

8. Coloque uma folha de papel-manteiga sobre a torta (tem que cortar um círculo do tamanho da fôrma, é bom fazer isso antes de colocar a massa) e preencha o fundo com feijão cru (Ou qualquer outro grão, o objetivo é formar um peso que não deixe o fundo da massa inflar e quebrar ao assar). Leve para assar por aproximadamente 20 minutos, até que esteja dourada. Retire os feijões e o papel do fundo. Reserve a massa. Enquanto isso, prepare o recheio.

PARA O RECHEIO

Ingredientes

500 g de queijo minas frescal (eu tinha um pouco menos, completei com cubinhos de ricota)
2 colheres (sopa) de manteiga derretida
5 ovos
1 1/2 xícara (chá) de leite integral
2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
1 pitada genereosa de noz-moscada ralada na hora
1 pitada de pimenta-do-reino moída na hora
1 colher (chá) de sal

Modo de Preparo

1. Se estiver fazendo o recheio enquanto a massa está pré-assando, depois de tirá-la do forno, reduza a temperatura para 180 °C (temperatura média). Caso contrário, preaqueça o forno.

2. Amasse o queijo-de-minas com um garfo.

3. Numa tigela, bata bem os ovos com um garfo. Junte o leite, o queijo amassado, a manteiga derretida (pode ser no micro-ondas ou no fogão) e mexa até a mistura ficar homogênea.

4. Tempere com noz-moscada, pimenta-do-reino e sal. Atenção, a quantidade de sal varia de acordo com o queijo: se ele for salgadinho, 1 colher (chá) de sal é suficiente. Se ele for sem sal, pode acrescentar um pouquinho mais.

5. Na massa pré-assada, polvilhe 1 colher (sopa) do parmesão. Regue com o creme de ovos – ele fica bem líquido, é assim mesmo. Por último, polvilhe com a colher (sopa) de parmesão restante.

6. Com cuidado para não derramar o recheio, leve a torta ao forno para assar por 50 minutos a 1 hora, até que a superfície fique dourada. Retire do forno e deixe esfriar e firmar por 15 minutos antes de servir. Se preferir, sirva à temperatura ambiente. Para aquecer a quiche, cubra com papel-alumínio e leve ao forno preaquecido por 15 minutos.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Eu me “enamorei por essa quiche” hehehe. Fiquei dois dias olhando pra ela (o quanto durou) e depois de vez em quando olhava as fotos :p

Ela ficou perfeita! Eu já tinha notado da outra vez que fiz quiche que essa massa era bem especial, crocante e deliciosa, fica bem soltinha da fôrma. Acontece que a quiche saiu com uma crostinha tão bem feita e com a massa tão soltinha, que mesmo usando uma fôrma redonda normal, resolvi arriscar desenformar a quiche. E funcionou! Foi só virar rapidamente num prato e depois de volta 😉

Além de linda e de realizar meu sonho de servir uma quiche fora da assadeira, ela ficou deliciosa! O recheio de queijo minas é perfeito, a crostinha do parmesão até carameliza um pouco e os cubinhos de ricota deram uma textura especial. Adoramos tudo! Aqui em casa foi o almoço de dois dias e completamente prático, já que ela fica um delícia na temperatura ambiente – o recheio fica até mais firme.

Bon Appetit! 

P.S.: Olhando e morrendo de vontade…

  • 0

    Overall Score

  • Reader Rating:  0 Votes

Share

About ytauana

You May Also Like

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *